Está planejando uma viagem para os Emirados Árabes? Pois então anote essas dicas que eu vou te passar, pois elas podem ajudar muito a sua viagem. Vamos lá?

1 – Fuso horário

O país só possui 1 fuso horário, que é o UTC+04:00, ou seja, estamos a 7 h do horário de Brasília na maior parte do ano. Quando Brasília e os demais estados estão em horário de verão, essa diferença cai para 6 h. Quando chegamos nos Emirados vindo do Brasil, sofremos muito para nos acostumar (em média, 1 semana para normalizar), mas quando vamos para o Brasil daqui, basta uma boa noite de sono e já estamos habituados.

2 – Clima

O fator clima deve ser muito bem esclarecido antes de marcar a sua viagem para cá. Eu já comentei sobre o assunto várias vezes, mas recomendo esse post aqui: Quando viajar para Abu Dhabi?, que é o mais completo que já fiz. Leia com atenção, isso pode interferir muito na qualidade da sua viagem!

chuva abu dhabi

Chuva em Abu Dhabi (março/2017). Foto: Renata Zagato Flickr

3 – Ramadã

Outro fator que deve ser levado em consideração, antes sequer de marcar a passagem, é a data do Ramadã. Durante esse período, estamos sujeitos a várias censuras e que, principalmente para quem está a turismo, fazem toda a diferença. Neste ano de 2017, as datas vão de 27 de maio a 25 de junho. É melhor evitá-las.

4 – Temperatura nos lugares fechados

Pode ser inverno ou verão, as temperaturas dos ambientes fechados (todos climatizados) estarão baixíssimas. Especialmente os shoppings são gelados! Eu sempre levo uma pashmina para jogar nos ombros e me aquecer mais um pouco – isso porque já costumo ir de camisa de manga longa. Uma vez vi um local (um árabe) entrar na Zara, comprar uma jaqueta e sair da loja já usando, para vocês entenderem o frio que estava no shopping. Se você vai visitar um shopping ou outro lugar fechado, leve também algo para se agasalhar.

5 – Dinheiro e câmbio

O dinheiro utilizado nos Emirados Árabes é o Dirham, já falei aqui nesse post. Como vai ser muito difícil encontrar a moeda no Brasil, o aconselhável é trazer dólar ou euro e trocar aqui mesmo. Há várias casas de câmbio espalhadas pela cidade e não estranhe se você achar que a loja não tem muita segurança: estamos no Oriente Médio, ninguém é doido de fazer um assalto à mão armada. Quanto ao câmbio, varia um pouco em relação ao Real. Hoje, 1 real vale 1,17 dirhams.

6 – Cuidado ao fotografar!

Especialmente se você nunca esteve em um país muçulmano, vai ficar surpreso com as mulheres todas cobertas e todo o mistério ligado a isso. Mas cuidado! Aqui no país é proibido fotografar uma mulher muçulmana sem o seu consentimento. Além disso, se você fotografar certos órgãos públicos pode ir parar na cadeia. Fotografar ou filmar tragédias (acidentes, brigas de trânsito, incêndios etc.) também é crime, pois você está difamando os indivíduos, ou as instituições envolvidas. Vale relembrar um caso que citei neste artigo aqui. Cuidado!

7 – Variedades de cozinhas e restaurantes

Você pode até chegar aos Emirados Árabes querendo provar comida árabe, mas garanto que não ficará só nisso! Há uma infinidade de cozinhas e restaurantes maravilhosos em Abu Dhabi e Dubai. É possível escolher entre praticamente qualquer culinária do mundo! Claro, prove e se delicie com a comida árabe, mas não se sinta culpado se você ficar com vontade de comer sushi ou uma pizza no meio do deserto! A gente também faz isso e adora!

comida asiática abu dhabi

Comida asiática em Abu Dhabi. Foto: arquivo pessoal

8 – Gorjeta

Sempre que chegamos a um lugar novo nos questionamos: temos que deixar gorjeta? Bom, aqui nos Emirados não é obrigatório. Você pode olhar na conta do restaurante se já está inclusa a taxa de serviço, ou, se quiser, deixe a quantia que acha justa. Isso vale não só para restaurantes, mas para qualquer serviço. De modo geral, as pessoas não esperam gorjeta, mas se vier, elas aceitarão com um largo sorriso e brilho nos olhos. Nós costumamos dar gorjeta quando somos muito bem atendidos e, muitas vezes, deixamos o troco.

9 – Visto

ATUALIZAÇÃO EM JUNHO/2018: Não é mais necessário visto para turistas brasileiros nos Emirados Árabes. Para outros tipos de visto, veja este texto aqui.

10 – Como se vestir

É super importante você ler sobre o assunto antes mesmo de chegar aqui. A recomendação é se vestir com moderação: ombros e joelhos cobertos, nada colado ao corpo, sem transparências ou decotes. Os shoppings possuem um código de vestimenta, que incluem isso que já citei. Para visitar a mesquita, terá que colocar roupa apropriada, emprestada no próprio local. Nas praias e piscinas, biquíni é liberado (só não diria que fio dental é bom senso nesse caso). Mais sobre o assunto, também já temos um artigo a respeito.

11 – Censura de comportamento

Assim como existe a censura de vestimentas, também existe a censura de comportamentos: não pode abraçar, agarrar ou beijar em público. Não pode dançar, fazer sinais desrespeitosos com a mão ou demonstrar publicamente a sua fé (que não seja o Islã). Há várias dessas regrinhas de comportamentos por aqui. Vale ficar atento e tentar ao máximo não chamar a atenção, por qualquer motivo que seja.

12 – Várias línguas, mas principalmente inglês

Uma dúvida super comum das pessoas que estão vindo para cá é se elas terão que saber árabe. A resposta é: de jeito nenhum. Porém, acho difícil se virar sem o inglês. Todos falarão inglês por aqui (com diferentes sotaques e riquezas de vocabulário, logicamente). Se você souber árabe, pode ser útil e algumas situações, pois há várias pessoas de origem árabe no país. Todas as placas da cidade estão escritas em árabe e inglês. Não consigo imaginar nenhuma situação em que o português ou espanhol sejam úteis a quem vem a passeio aqui. Sorry…

13 – Seguro de saúde

Eu não recomendaria a ninguém visitar o país sem um seguro de saúde. Por aqui, não há hospitais públicos a expatriados e as contas hospitalares podem ser exorbitantes, caso precise de um. Além disso, pessoas com dívidas são impedidas de deixar o país e podem ser presas por isso. Ninguém quer que isso aconteça, certo? Nós temos parceria com a Real Seguros e super recomendo que vocês façam um orçamento com eles antes de embarcar para o país! Se fizerem por esse link, estarão também contribuindo com a manutenção do blog 🙂

Seguro viagem oriente medio 300x250

14 – Tomada e voltagem

A tomada nos Emirados Árabes é a do tipo G, também adotada no Reino Unido, Hong Kong e outros países. É considerada a mais segura do mundo! Cada tomada possui também um interruptor que liga/desliga aquela tomada, ou seja, você não precisa tirar o aparelho da tomada, só desligar o interruptor (é o que fazemos quando viajamos). A voltagem aqui é 220-240V.

tomada abu dhabi dubai

Foto: CC

15 – Não é pet friendly, ou  pet amigável

Infelizmente, seu totó não será bem-vindo a Abu Dhabi ou aos Emirados Árabes. Aqui na cidade, não há NENHUM hotel que aceita pets (gatos ou cachorros) e as únicas opções são apartamentos Airbnb. Em Dubai, parece que há opções de hospedagem com animais, mas não sei dizer se são boas. Caso o seu amigo precise mesmo vir com você, a solução é deixar na casa de alguém ou em algum hotel específico para animais.

***

Espero que aproveitem as dicas e venham logo conhecer os Emirados Árabes! Se tiverem outras dúvidas, deixem nos comentários que tentaremos responder 🙂 Obrigada!

confira os posts relacionados

Comente via Facebook

Comente com o WordPress

  • Júlio César julho 7, 2018

    Olá, adorei o post. Tenho uma grande dúvida. Eu gostaria de ir a Abu Dhabi com o propósito de expor minha arte, (Estátua Viva), no caso isso me traria algum problema, ou há algo que me proíbe de fazer isto? Desde já, agradeço!

    • Pollyane
      Pollyane julho 7, 2018

      Olá, Júlio César, obrigada pelo comentário. Bom, não posso te garantir, mas creio que esse tipo de atividade autônoma seja proibida aqui nos Emirados Árabes. Pelo menos é o que vejo sobre qualquer outra atividade que não dê o visto de trabalho e autorização para o mesmo.

  • Izabela Ferraz abril 14, 2018

    Ola, adorei seus comentarios sobre Dubai e Abu Dhabi.
    Pode ser até que você tenha sido clara e eu que não entendi… Estou programando uma viagem para lá entre dezembro e janeiro, estará muito quente? Pretendo incluir turquia ou paris, e nesses estará muitoooo frio, por isso estou com duvidas para fazer as malas…
    muito grata

    • Pollyane
      Pollyane abril 18, 2018

      Oi Izabela, obrigada pela visita e comentário. Bom, eu fiz posts especificamente sobre as estações daqui. Temos inverno, sim, mas claro que não tão rigoroso quanto o europeu. Procure o texto “Quando viajar para Abu Dhabi?”. Em resumo: você usará jaqueta e pashmina, calça e uma botinha, mas não precisa pensar em luva, gorro, roupa térmica e super camadas protetoras. A depender do lugar do Brasil que você more, é bem parecido.

  • Gisa janeiro 7, 2018

    Oi Polly estou indo com minha família a Abu Dhabi e Dubai por 10 dias !!
    Do dia 09 até o dia 20 sairemos de Londres, já conhecemos outros países árabes mas seu blog foi de grande ajuda pra esta Viagem ! Nós iremos fazer o Safari no deserto com a Adventures , gostaria de saber se neste período o deserto dai, sera mais fresco que na Cidade?

    • Pollyane
      Pollyane janeiro 7, 2018

      Oi Gisa, fico feliz que o blog esteja te ajudando. Você me disse os dias, mas não falou o mês… De todo jeito, sempre o deserto será mais agradável que a cidade. No inverno chega a ser bem frio e recomendo ir de casaco! Espero que façam uma boa viagem!

  • Paula Scudeler setembro 4, 2017

    Oi Polly, venho acompanhando seu blog há algum tempo e é muito legal!! Irei para Abu Dhabi em Outubro, será que você podia me dar alguma dica de onde ficar? Não sei se é melhor ficar perto da praia ou do centro, estou indo sozinha e estou bem perdida em relação a cidade rsrs. Obrigadaa 🙂

    • Pollyane
      Pollyane setembro 4, 2017

      Olá, Paula! Obrigada pela visita e pelo comentário. Olha, as atrações turísticas de Abu Dhabi são bem “espalhadas” na cidade e não há exatamente uma área ideal para se hospedar. De todo jeito, aonde quer que fique, terá que usar táxis para se locomover, então meio que “tanto faz!”. Escolha um hotel que lhe agrade e esteja dentro do orçamento e pronto! Se gosta de praia, por exemplo, escolha um na praia, já que em outubro a temperatura é agradável. Já se gosta de shopping, há vários hotéis com shoppings adjacentes!
      Estou oferecendo serviço de roteiro personalizado aqui nos Emirados Árabes! São roteiros feitos sob medida para vc, de acordo com o seu orçamento, preferências e dias em que estará no país! Se tiver interesse e quiser saber um pouco mais, me envie um email! Terei o maior prazer em ajudar a deixar a sua viagem perfeita para vc! Beijo grande

  • Rosangela S maio 8, 2017

    Olá Pollyane. Bom dia daqui do Brasil pra você. Você tem informações de como funciona a escola aí para crianças na idade de 9 anos?
    Meu marido recebeu proposta para ir trabalhar aí, não sei se iremos todos. Tenho muitos receios, pois o estilo de vida aí é totalmente diferente da do Brasil.
    Procurando informações sobre o país, encontrei seu blog que é muito legal e interessante.
    🙂

    • Pollyane
      Pollyane maio 10, 2017

      Olá, Rosângela, muito obrigada por acompanhar o blog e pelo comentário. Então, sobre escolas eu realmente não sou a pessoa mais indicada para te ajudar, pois ainda não tenho filhos e sei que funciona de maneira diferente do Brasil. Nesse caso, especialmente porque vocês já têm uma proposta de trabalho, acho que vale você pedir ajuda na comunidade dos brasileiros no Facebook (Brasileiros em Abu Dhabi). Há muitas pessoas que têm filhos da mesma idade que o seu e poderão te ajudar com mais detalhes.
      Sobre aceitar ou não a proposta – e a mudança de todos os membros da família – é algo que deve ser decidido por vocês, mas saiba que aqui é um lugar muito familiar e o que vejo são pessoas felizes com a decisão de terem vindo, mesmo que com filhos pequenos. O que deve ser observado, nesse caso, são os benefícios e o salário que foram propostos ao seu marido, pois o custo de vida aqui é alto.
      Boa sorte e beijo grande.

    • Rosangela S maio 10, 2017

      Oi Pollyane, fiquei feliz por ter me respondido. Muito obrigada pela dica. Ainda não sei como está o andamento da proposta porque ela está recente. Mas com certeza se formos todos entrarei em contato com a comunidade.
      E se voc me permitir, te pedirei algumas informações mais urgentes, caso não encontre em seu blog. rsrs.
      Beijos e obrigada mais uma vez. 🙂

      • Pollyane
        Pollyane maio 11, 2017

        Oi Rosângela, claro! Pode me mandar um email com dúvidas sempre que precisar. Não garanto que saberei responder, mas farei o possível. Beijo grande e boa sorte!

  • Renata Suzart maio 3, 2017

    E esse ano o verão resolveu começar ainda mais cedo, hein? Putz… Tá um calorão aqui!!! Mas ADORO morar nessa terrinha, mesmo com todos os “poréns” (que qualquer lugar vai ter!) 😉

    • Pollyane
      Pollyane maio 3, 2017

      Começou cedo mesmo, para o nosso desespero! Por que ele não deixou para aparecer lá para julho? hehe. Obrigada pelo comentário!

  • Nath abril 20, 2017

    Muito interessante! Eu sempre tenho dúvidas em relação ao tipo de roupas que turistas podem usar em países arabes. É muito diferente hehe Já ouvi de vários arabes aqui na NZ sobre essa censura de comportamento também!

    Beijos!

    • Pollyane
      Pollyane abril 22, 2017

      Oi Nath! Pois é! Geralmente pensamos somente no clima para fazer as malas, mas quando falamos de Oriente Médio, também precisamos ver a questão da cultura local 😉 Obrigada pela visita e pelo comentário =*

  • Larissa T. abril 18, 2017

    Polly, amei as suas dicas!!!! Quando eu for te visitar, já vou saber bastante coisa! 🙂

    • Pollyane
      Pollyane abril 22, 2017

      Claro! Já vai me economizar um “sermão” pré-viagem! hahaha Beijo, Lari!