14 de outubro de 2017

Bali: não deu praia

Muitos ainda associam Bali a um destino essencialmente de praias. Eu, depois de ter ido lá, devo discordar. Embora, sim, haja várias praias próprias para banho e surf na ilha, acho injusto e simplório pensá-la como uma viagem de sol areia e mar. Diria que está mais para templos, arroz e caos.

Gosto é gosto, e como cada viajante tem uma experiência diferente, vou aqui deixar a minha. O que não quer dizer que você vai concordar comigo e que nossas viagens sejam parecidas, né? Vamos lá!

Se quer praia, pense na sua hospedagem

Como falei no post sobre como escolher sua hospedagem em Bali, a ilha é muito maior e mais diversa que geralmente supomos. Marido e eu gostamos de praia, sim, mas não costumamos fazer viagens cujo foco seja esse. Tiramos alguns dias par aproveitar o mar, mas no geral preferimos conhecer templos, museus… É uma questão de gosto mesmo. Por isso, pesquisando sobre onde ficar em Bali, preferimos Ubud, por estar localizada no centro de Bali, de onde era possível se deslocar mais facilmente para os templos. Depois, para aproveitar 2 dias de mar, fomos para Gili Trawangan, como relatei aqui.

Se você quer fazer uma viagem à Bali para explorar mais as praias, fique no sul da ilha. Há diversos hotéis e resorts maravilhosos com acesso à praia, ou perto dela, e que cabem em diferentes bolsos e gostos. Para quem gosta mesmo de praia e surf, Bali parece não decepcionar – assim já ouvi de várias pessoas. Além do mais, mesmo que você opte por se hospedar no sul da ilha, nada impede que você vá passar o dia em Ubud e conheça os templos da região, além dos próprios templos que existem no sul da ilha, como o famoso Uluwatu.

Nossa visita ao sul da ilha de Bali, Nusa Dua

Mesmo não tendo escolhido ficar no sul da ilha, em nosso roteiro havia programado passar 1 dia por lá. Queria conhecer a famosa praia de Nusa Dua, que aparece no filme “Comer, Rezar e Amar” e outras da região. E assim fizemos.

Mas, para nós, não foi nada de mais. Nusa Dua fica dentro de uma espécie de “condomínio fechado” muito luxuoso, grandioso e organizado, ou seja, bem diferente da Bali de Ubud que havíamos visto. A praia em si tem, sim, seu charme, mas juro que não achei essa coisa toda. Gente, nós somos do Brasil, estamos acostumado a praias belíssimas, não me impressiono fácil com praia não!

nusa dua resorts bali

Entrada para Nusa Dua e seus resorts. Foto: arquivo pessoal

nusa dua praia bali

Dentro do “complexo” de resorts de Nusa Dua. Tudo lindo e organizado. Foto: arquivo pessoal

A praia de Nusa Dua tem água esverdeada, sem ondas e com uma faixa de areia bem estreita, lotada de cadeiras de sol dos vários resorts de lá. Ela tem bastante estrutura, com vários bares e restaurantes, uma calçada para caminhar, por onde você vai passando de hotel em hotel. Mas o que achei é que ela é extremamente urbanizada, o que me deu uma sensação de “agonia”, com tanta “informação”. É difícil de explicar e não acredito que vocês conseguirão entender o que quero dizer. Eu prefiro praias mais “livres, amplas e desertas”, acho que posso resumir assim. Vou colocar umas fotos aqui de Nusa Dua para vocês entenderem o que quero dizer.

nusa dua praia balli

Praia de Nusa Dua, Bali. Foto: arquivo pessoal

nusa dua bali

Nusa Dua, Bali. Foto: arquivo pessoal

nusa dua bali

Praia de Nusa Dua, Bali. Foto: arquivo pessoal

Outras praias de Bali

O nosso motorista também nos levou à praia Padang Padang, mas ela estava MUITO cheia e precisaríamos descer sei-lá-quantos-degraus para chegar até lá e, claro, depois, desceu tem que subir! Não animamos. Já era quase fim de tarde e estávamos cansados. Mas essa pareceu ser uma praia muito bonita e excelente para surfar.

Agora, uma praia que não recomendo de jeito nenhum é uma que visitamos na costa leste de Bali, não me lembro exatamente onde e nem o nome da praia, mas ela era muito suja e, na minha opinião, completamente imprópria para banho, apesar de ter alguns balineses ali na água. Aparentemente, a praia é de pescadores e eu não sei por que diacho o nosso motorista nos levou até lá! Haha. Gente, tinha até rato andando na praia, juro!

praia bali pescadores

Praia em Bali. Foto: arquivo pessoal

praia bali pescadores

Praia em Bali. Foto: arquivo pessoal

pescadores em bali

Pessoas pescando na praia em Bali. Foto: arquivo pessoal

praia bali

Balineses tomando banho na praia. Foto: arquivo pessoal

Bom, como puderam ver, não aproveitamos o potencial “praiano” de Bali, mas se eu tivesse outra oportunidade de voltar lá, daria mais uma chance às praias do sul e separaria uns dias para me hospedar em algum dos hotéis beira-mar. Se você tem boas dicas para passar das praias de lá, deixe nos comentários, pois eu adorarei saber e outros viajantes poderão aproveitar as informações também! Beijo grande e até a próxima.

Outros posts da Indonésia aqui.

confira os posts relacionados

Comente via Facebook

Comente com o WordPress

  • Natácia novembro 1, 2017

    Me decepcionei com as praias…

    • Pollyane
      Pollyane novembro 1, 2017

      Não é? Foi um aviso para que as pessoas já tenham isso em mente quando viajarem para lá.

  • Jane outubro 30, 2017

    Olá Pollyane!
    Vc esteve em Bali esse ano? Moramos no Paquistão e planejando ir pra Indonésia no final do ano, porém, estou desconfiada com o vulcão em Bali…vc observou ou ouviu algo por lá?

    • Pollyane
      Pollyane outubro 30, 2017

      Oi Jane! Obrigada pela visita e pelo comentário! Eu fui para Bali ano passado (junho de 2016) e, naquela época, o vulcão estava bem quietinho. É realmente um risco viajar para lá com ele em atividade, pois pode ser que os voos sejam cancelados e atrapalhe o turismo, de um modo geral. O ideal é ir acompanhando as notícias ou procurar outro destino bacana para visitar! Boa sorte, beijos =*

  • Laylla outubro 14, 2017

    Concordo em gênero, número e grau!!
    Em Lembongan também foi um desastre .. onde tinha “praia” tinha barco. Só dava pra tomar banho quando a maré recuava quase no fim de tarde. A correnteza muito forte para passeios em alto mar (mas, acredito que a fase da lua teve influência nisso). Mas todo o resto de bali compensa a “falta” de praia.

    • Pollyane
      Pollyane outubro 15, 2017

      Também acho, Laylla! Não é preciso “praia” para Bali ser maravilhosa! Muito obrigada pelo seu comentário. Beijo grande.