03 de julho de 2016

Faltou vitamina D

Me considero uma pessoa saudável. Não tenho nenhum problema grave de saúde, ou qualquer doença crônica e nem cárie eu nunca tive. Meus exames de sangue sempre tiveram resultados felizes – até o dia em que me mudei para Abu Dhabi.

No começo deste ano, em uma consulta de rotina ao endocrinologista, ele levantou a hipótese de que nós (eu e o marido – fomos juntos na consulta, isso é comum aqui) estávamos com deficiência de vitamina D. Achei estranho, mas, avaliando bem, o sol que eu vejo todo o tempo pela janela passa bem longe da minha pele.

yas marina abu dhabi

No Yas Marina, em nossos raros momentos de exposição ao sol. Foto: arquivo pessoal

Com o resultado, PÁ! Estávamos com deficiência da dita cuja em níveis que deveríamos fazer a reposição por suplementos.

Se me contassem que eu teria falta dessa vitamina antes de me mudar para cá, eu poderia apostar que isso seria uma piada de mau gosto. “Como assim, em um lugar que faz sol o ano inteiro eu vou ter deficiência justamente da vitamina que vem da exposição ao mesmo?!”.

E não é que essa é uma realidade mais comum do que parece?

aquário dubai

Aquário de Dubai – lazer em ambiente fechado, longe do sol. Foto: arquivo pessoal

A deficiência da vitamina D é um problema mundial, muitas vezes associado à vida urbana, especialmente em lugares onde há pouca ou demasiada exposição solar – nos encaixando nesse último caso.

Incrivelmente, os Emirados Árabes Unidos possuem uma das maiores taxas de incidência de deficiência da vitamina D do mundo! Mais de 80% da população do país se encontra na mesma situação que nós. O Dr. Khashayar Ghiassi, um dermatologista de Dubai, afirma que “em partes, a razão para os números serem tão altos nos Emirados, é devido às vestimentas típicas. Tanto homens quanto mulheres, mas especialmente as mulheres, se cobrem dos pés à cabeça e não se expõem ao sol de forma alguma”.

Além disso, os hábitos de nós, residentes, tanto locais quanto expatriados, é muito mais de uma vida “indoor” a uma “outdoor”. Preferimos shoppings a praias, carros a bicicletas e por aí vai.

museu do automóvel abu dhabi

Depois que descobri a deficiência, passei a encarar o sol com mais alegria! 🙂 Foto: arquivo pessoal

Os sintomas da deficiência da vitamina D são variados, bem como as consequências de sua ausência no organismo. O objetivo desse artigo é somente informá-los sobre esse problema de saúde tão comum aqui no país, além de servir de alerta aos que moram aqui e ficam “entocados” em casa, como eu. O diagnóstico pode ser feito através de um exame de sangue, a pedido do seu médico.

Para quem quiser saber mais sobre a benDita, pode dar uma olhada nesse artigo do médico mais legal do Brasil, o Dr. Drauzio Varella.

Beijo grande e saúde a todos nós!

confira os posts relacionados

Comente via Facebook

Comente com o WordPress

  • lidianareis julho 4, 2016

    Amei as fotos! rsrs
    Hugo super turista no aquário!