30 de dezembro de 2019

Retrospectiva de viagens 2019

Em 2019, tivemos a oportunidade de fazer viagens únicas e muito especiais. Pela primeira vez, viajamos com um bebê, um bebê nosso, sob nossa inteira responsabilidade! Quem já passou por essa experiência sabe que é diferente de todo o resto. E para quem não sabe, vou dar algumas pequenas impressões neste artigo, contando sobre as viagens que fizemos em 2019.

Como o baby ainda é muito pequeno, todas as nossas viagens foram feitas com ele e majoritariamente pensando nele. Desde a escolha do destino, adaptação do roteiro, o hotel… Mudamos o nosso jeito de viajar e já adianto: não é pior ou melhor, é apenas diferente. Se você também ama viajar e tem medo de como a chegada de um baby irá impactar suas viagens, já adianto de novo: vai mesmo! Mas dá para aproveitar bastante e ver tudo sob uma nova perspectiva. Seja positivo!

Janeiro

Bebê estava com 4 meses e fizemos nossa primeira viagem: Dubai. Mais uma vez, fomos passar o meu aniversário no emirado vizinho. Para aproveitar melhor nosso tempo lá, ficamos hospedados por 3 noites, decisão super acertada, já que o baby era muito novo e tínhamos que maneirar com as programações.

Janeiro é uma excelente época para visitar Dubai. Há várias atrações que estão funcionando (Global Village e Miracle Garden, por exemplo) e o clima é muito gostoso. Juro que faz um friozinho, viu? Especialmente à beira-mar, à noite e também no Global Village, que é muito aberto. Na ocasião, aproveitamos para visitar o Dubai Frame, Al Bastakiya, La Mer, Bluewaters Island, The Pointe, JBR e vários outros lugares. Foram 3 dias até bem aproveitados, e a primeira viagem de muitas do nosso amorzinho.

dubai the frame burj khalifa

Vista de Dubai a partir do The Frame. Encare o seu medo de altura e vá até esse lugar, vale a pena! Foto: arquivo pessoal

Fevereiro

Brasil! Nossa ida anual para a pátria amada aconteceu no começo desse ano. E essa visita foi pra lá de especial, pois foi quando apresentamos o baby para a nossa família e amigos. Aproveitamos para estar em família e comer bastante, sempre! Além de Goiás e Brasília, nossas terras natais, fomos também para a Praia dos Carneiros, Pernambuco. Eu estava com uma saudade imensa de poder passear no litoral brasileiro e aproveitamos uma promoção de passagens para fazer essa viagem dentro da viagem.

E a minha impressão sobre o lugar é: que caro! Gente, realmente, viajar pelo Brasil é muito caro! Muitas vezes, até mais que viajar para o exterior… O lugar é lindo, sem dúvida, mas não foi uma viagem que aproveitamos muito, pois o baby era muito pequeno e não queria saber de mar ou piscina. A mamãe aqui, que amamentava exclusivamente na época, também nem conseguiu aproveitar a praia. Bom, mas pelo menos passei muitas horas olhando um mar maravilhoso e os coqueiros balançando, ouvindo música brasileira e sentindo o clima dos deuses que o meu país tem!

praia dos carneiros pernambuco

Praia dos Carneiros, Pernambuco. Foto: arquivo pessoal

Maio

Fomos comemorar o nosso aniversário de 5 anos de casamento em Zanzibar, Tanzânia. Sim, fomos para a África com um bebê de 6 meses e foi ótimo! Para essa viagem, decidimos que focaríamos em fazer do hotel o nosso “roteiro”, pois seria bem improvável que conseguiríamos explorar a ilha e fazer passeios longos.

Dito e feito! Zanzibar é maior do que aparenta, com pontos turísticos distantes entre si. É comum, inclusive, que as pessoas decidam se hospedar em 2 lugares diferentes na ilha para facilitar na hora de explorar o entorno. Como isso seria muito trabalhoso com bebê – e também porque foi uma viagem curta – decidimos apenas por 1 hotel, em um lugar estratégico, para que fizéssemos 1 passeio apenas, se as condições ajudassem. Manter a expectativa baixa foi fundamental para que não ficássemos frustrados. Isso deve ser um mantra na hora de viajar com crianças.

Nos hospedamos em Kigomani, no delicioso hotel SeVi Boutique Hotel Zanzibar, e de lá fizemos um passeio para a ilha de Mnemba. Que lugar lindo!!!! Voltamos dessa viagem sentindo que poderíamos voltar muitas e muitas vezes para Zanzibar, pois é um lugar belíssimo, com bons hotéis, um povo muito receptivo e uma culinária que me deixou surpreendida e apaixonada.

ilha mnemba zanzibar tanzania

Passeio de barco pela ilha de Mnemba, Zanzibar. Nenhuma foto faz jus à cor da água! Foto: arquivo pessoal

Junho

Em junho, decidimos voltar a um país que já conhecíamos, mas para explorar outros destinos: Indonésia! Uma tia do marido está morando em Jakarta e fomos lá para visitá-la e também conhecer a capital do país, além de Yogyakarta, uma cidade com pontos turísticos interessantes e que também está localizada na ilha de Java.

Depois de conhecer mais uma parte da Indonésia (veja aqui também os outros destinos que já visitamos desse país), fomos para Singapura! Eu já queria conhecer essa cidade-Estado há muito tempo e finalmente deu certo de encaixar no roteiro pela Ásia. Ficamos 6 noites por lá e conseguimos ver muita coisa do que planejamos, mas sinto que poderíamos ter ficado muito mais, pois é uma cidade que nos convida a experimentar como é viver nela. Ah, e com bebê, como previsto, é super tranquilo!

singapura

Singapura. Foto: arquivo pessoal

Agosto

Agosto é verão no Oriente Médio e as temperaturas estão nas alturas, enquanto ficamos trancados dentro de casa ou do shopping o tempo todo. Porém, há um lugar muito especial na região que está fresco, com chuvas e muito verde! É em Salalah, Omã, destino que já havíamos visitado em 2016 (no mês de maio) e dessa vez voltamos para conferir o Khareef, ou as monções.

É difícil de acreditar que a pouco mais de 1h de voo de Abu Dhabi podemos estar num lugar tão diferente e agradável em pleno agosto. Em 5 dias que estivemos por lá, choveu (garoou) quase o tempo todo e vimos muito, muito verde! Incrível!!! Quero muito fazer um artigo para contar mais sobre essa viagem.

khareef salalah omã

Eu mesma tirei essa foto nas montanhas no entorno de Salalah. Talvez, se eu tivesse visto apenas na internet, não acreditaria que fosse lá! É incrível! Foto: arquivo pessoal

Setembro

No mês de setembro de 2019, recebemos muitas visitas em casa. Como é de praxe, fazemos uma programação para que eles conheçam mais de Abu Dhabi e também de Dubai. E, claro, não poderia faltar um dos nossos lugares favoritos nesse país: o hotel no deserto de Al Ain, Telal Resort.

Reservamos duas villas e pudemos apresentar o deserto para o nosso baby, a sogra e a cunhada. O baby ficou bem interessado em procurar (e comer!) bolotinhas de cocô das gazelinhas na areia. Já as duas crescidinhas, amaram a experiência por completo, o que inclui, inclusive, acordar bem cedo para ver o nascer do sol.

O fim de setembro é uma ótima época para ter esse tipo de experiência de dormir no deserto. Os dias ainda estão quentes (mas não insuportáveis, como os meses anteriores) e as noites ainda não estão muito geladas. Ah, e por ser baixa temporada, os preços dos hotéis estão bem melhores.

deserto al ain nascer do sol

Nascer do sol no deserto de Al Ain. Eu AMO a paz desse lugar! Foto: arquivo pessoal

Outubro e Novembro

No final de outubro e primeira quinzena de novembro, fomos para Portugal. Não foi nossa primeira vez na “terrinha”, mas a escolha do destino foi motivada pelas nossas companhias nessa viagem: minha família.

Procuramos um lugar que fosse um meio caminho para nós e para eles, que fosse fácil de perambular sozinho (ficar traduzindo tudo pra todos é bem cansativo) e que fosse do interesse deles em visitar. Portugal se mostrou uma ótima opção. Porém, nós pegamos MUITA chuva, o que atrapalhou imensamente os nossos passeios. Por isso, recomendo sim, viajar para Portugal em família, mas não nesses meses.

Ah, passamos por Lisboa, Sintra, Óbidos, Batalha, Fátima, Tomar, Coimbra, Luso e Porto e chovia em todas, mas Lisboa tinha um clima mais ameno, enquanto Fátima estava gelada.

tomar portugal

Tomar, Portugal. Foto: arquivo pessoal

***

E essas foram nossas viagens em 2019! Até que, para um casal com um bebê, diria que viajamos muito e fomos até ousados. O baby visitou 4 continentes este ano e em breve irá conhecer mais um! Nós viajamos para lugares novos e repetimos alguns destinos também, sem qualquer problema, já que o foco mudou de “vamos conhecer o mundo inteiro!” para “vamos para um lugar fácil, pelamordedeus!”.

Este ano foi cheio de desafios, mas também de aprendizados e aventuras (conviver com um bebê já é uma aventura sem sair de casa, viajando, então, nem se fala!). E foi muito bom perceber que apesar de a nossa vida ter se transformado um bocado, nossa paixão por viajar ainda pode ser nutrida e também repassada para o nosso filho.

Desejo que 2020 seja um ano de realizações, aventuras e aprendizados para todos os meus queridos leitores. Espero poder voltar daqui a 1 ano com muito mais experiências para compartilhar com vocês. Que venha a próxima década!

Comente via Facebook

Comente com o WordPress

  • Victória janeiro 19, 2020

    Rindo aqui que o baby já visitou mais continentes que eu! Que legal, Polly! Eu simplesmente devorei seu blog uma época e curtia muuuito acompanhar suas viagens, coisa boa saber que você viajou bastante em 2019 e com um novo membro na família! Que 2020 seja um ano de muitas viagens e realizações pra você e sua família!